Hiperfoco: Como ele pode te ajudar a conquistar objetivos?

Hiperfoco: Como ele pode te ajudar a conquistar objetivos?

Descubra como alcançar um nível extremo de concentração nas suas metas.

Hiperfoco é o termo usado para descrever o estado de concentração intensa e sustentada de uma pessoa por uma tarefa ou um conjunto de estímulos específicos, como um estado de absorção completo. Durante o estado de hiperfoco, há uma percepção diminuída de estímulos que não são relevantes para a tarefa.

No ambito corporativo, o hiperfoco é a capacidade de designar suas atenções para uma unica proposta.

E não, você não leu errado! São atenções mesmo, mas eu vou explicar.

Na neurociência temos cerca de 5 tipos de atenções diferentes, sendo elas: 

  • Atenção seletiva
  • Atenção dirigida
  • Atenção alternada
  • Atenção sustentada
  • Atenção dividida

Cada uma delas tem suas características e para falarmos de hiperfoco, precisamos falar sobre os tipos de atenção.

O que é a atenção?

Nosso cérebro busca vieses de executar determinadas ações sem que haja um grande comprometimento de energia, sendo assim, algumas funções motoras e cognitivas ocorrem como se fossem no “piloto automático”, sem que haja a racionalização da execução, por exemplo a sua respiração.

É bem provável que agora você acabou de prestar atenção na sua respiração. Esse direcionamento de foco é um processo racional, mas mesmo que você não pense, estão sendo executados processos motores de inflação dos pulmões e deflação (a respiração em si).

O mesmo acontece com a digestão e atividades mais complexas como dirigir ou andar de bicicleta.

Entretanto, obtemos controle no direcionamento de algumas situações externas, que chamamos de atenção.

Atenção Seletiva

Para facilitar a compreensão, nada melhor do que exemplos práticos.

Imaginemos que você está na sala de estar em meio à uma conversa, mas percebeu um fato relevante nos noticiarios.

Embora a conversa ainda esteja acontecendo, seu cérebro designou esforços para o televisor, como uma chave seletora (por isso o nome).

Atenção Dirigida

Quando você precisa realizar uma prova, preencher um contrato ou responder perguntas complexas.

Trata-se de um direcionamento comportamental, com efeitos fisiológicos, estimulando a concentração.

Atenção Alternada

Ocorre quando está dirigindo um carro, por exemplo e conversando com alguém. Há plena consciencia de ambas as atividades, sem que haja comprometimento das funções motoras e fisiológicas.

Atenção Sustentada

É a habilidade de manter o foco em determinada atividade repetitiva por um longo período, por exemplo, uma reunião de negócios.

Atenção Dividida

Quando assim como a atenção alternada, mas neste caso direciona o foco para uma atividade com total dedicação e outra, como por exemplo reescrever um livro.

E o Hiperfoco?

Sabendo que temos vários tipos de atenção e conseguimos controlá-las, precisamos praticar o direcionamento das nossas atenções para os objetivos que queremos realizar, levando em conta a premissa, que prerroga em não deixar que fatores externos, nos desvie do foco.

Seja oscilações do mercado, metas por bater, alta do dólar ou mudanças políticas, nada pode ou tem o poder de impactar sobre nossas metas e sonhos.

Entretanto, não é algo que do dia para a noite será possível controlar, mas sim com muita determinação e real desejo em realizar.

Será preciso determinação e coragem, mas garanto que valerá a pena.

Está gostando deste conteúdo? Compartilhe!

Últimos posts do blog

Quer sair na frente?

Então cadastre-se em nossa lista para receber mais conteúdos com estes.