Luxo: Por que grandes marcas apostam em experiências?

Luxo: Por que grandes marcas apostam em experiências?

Cada vez mais há uma disputa frenética em atrair e manter clientes satisfeitos, principalmente no mercado de luxo. Em um cenário onde a oferta de produtos e serviços é vasta, o diferencial está cada vez mais na experiência proporcionada ao cliente e é aqui que entra em cena o Marketing de Experiências, uma estratégia que coloca o consumidor no centro das atenções, oferecendo-lhe vivências memoráveis que vão além do simples ato de comprar.

Empresas como Tiffany, Bentley, Nike, Apple e outras, estão se destacando não apenas por serem marcas de alto valor agregado, mas por proporcionarem experiências e vivências aos consumidores, de um jeito único, mas afinal o que é Marketing de Experiências?

Experiências: O Efeito Positivo do Marketing Sensorial


O nosso cérebro é capaz de receber inúmeros estímulos diferentes e criar conexões com emoções à cada estímulo. O Marketing de Experiências é uma abordagem que visa facilitar estas conexões emocionais entre a marca e o cliente, transformando a simples transação comercial em uma jornada única e significativa. Ao invés de apenas vender um produto ou serviço, o foco é proporcionar uma experiência marcante que deixe uma impressão positiva e duradoura na mente do consumidor.

Como Encantar o Cliente?


Além de oferecer um bom produto ou serviço, é preciso criar momentos especiais que despertem emoções e fortaleçam os laços entre a marca e o consumidor, haja visto que já sabemos que o cliente deseja comprar, não que vendam para ele. Essa simples retórica comercial, evidencia o fato de que as pessoas assumiram o controle das suas decisões, elegendo àquelas que mais causaram impactos positivos em sua jornada de decisão.

Existem inúmeras formas de criar um efeito encantador, que todavia, não poderá ser executado apenas no processo de compra, mas em todo o tempo de relacionamento com o cliente e consequentemente, os frutos destas estratégias são de fidelização, elevação de valor percebido de marca e claro, altos ganhos.

Quem tem acompanhado o Blog, sabe que em NY, a experiência com grandes marcas transcende o nível que conhecemos, e para conhecer um pouco mais, basta clicar aqui e conferir o conteúdo.

Encantar, Engajar e Converter


No livro Black Book, escrito por Michael Forde, um dos maiores copywriters do mundo, a forma inicial de encantar o seu cliente, é partindo da construção de uma persona, um perfilhamento de cliente ideal e traçar quais situações e momentos jamais seriam esperadas por ele e em cima disso, criar essa possibilidade.

Imaginemos o seguinte cenário: Você está pensando em tirar férias no México e busca uma residência temporária.

No anúncio, você encontra um preço que lhe agrada, com as características que sempre sonhou.
Ao fechar negócio, você descobre que como bônus, o dono da residência vai de limousine pegar você e sua família no aeroporto, levar até um aeroporto e fazer um vôo panorâmico na cidade, mostrando os principais pontos da cidade.

Até aí, já seria algo além do imaginado e sua experiência começa a ser incrível.
Chegando na residência, você tem um serviço de quarto com as principais e elaboradas refeições, sem custo adicional e mais, um Day use para um SPA no final do dia, para relaxar após um dia repleto de aventuras.

Neste momento, sua liberação de dopamina (neurotransmissor do prazer atrelado ao consumo), é descarregado em grandes doses, criando a necessidade de uma nova experiência ainda mais empolgante.

Resumidamente, o que as marcas de luxo estão fazendo, é exatamente isso. Criam elementos com efeitos dopaminergéticos, para que haja a necessidade de compra e recompra, diminuindo os custos de captação de clientes.

Como assim Custo de Captação de Clientes Sophia?


Existe uma formula empregada no marketing que é CAC (Custos de Aquisição de Clientes), divididos pelo LTV (Long Term Value), ou tempo de duração da relação comercial transformada em custo.

Entendendo que o CAC deve ser sempre menor que o LTV para que haja crescimento e estabilidade do seu negócio, investe-se mais numa relação duradoura com seu cliente através de estratégias de encantamento, transformando os clientes atuais em propagadores e defensores da marca, utilizando a verba que seria empregada para captação de novos clientes, favorecendo estratégias consolidadas de negócios.

Se quer saber mais sobre como empregar esse conceito na sua empresa, fale comigo pelo formulário de contato, e marque uma consultoria especializada. Garanto que seus resultados nunca mais serão os mesmos.

Está gostando deste conteúdo? Compartilhe!

Últimos posts do blog

Quer sair na frente?

Então cadastre-se em nossa lista para receber mais conteúdos com estes.